terça-feira, 1 de abril de 2014

Eu mesma '-'

Não sei se é a idade;
Nem sei se é pra me preocupar;
Numa rede de miragens;
Vamos nos afogar. (Amigos são para isso, não?)

Temos tantos "problemas";
Mas eles são tão banais;
Lhes dê um pouco de atenção;
E a solução vem logo atrás...

Sempre tão egoísta;
Mas devo admitir;
Não quero que esteja triste;
Quero te ver sorrir... (a primeira '-')

Me sinto excluída;
Dessa população;
Tenho que me esforçar;
Para conseguir informação.

E se me perguntarem;
"Qual o problema aqui?";
Respondo: "Não importa";
"Mas você é a primeira pessoa,
 que pergunta para mim".

Fiz essa canção;
Para a segunda mais especial;
Nessa nossa novela sou;
A única que está "normal". (ao meu modo e.e)

Reflita esses costumes;
E renove essas letras;
Não finja que se esquece;
Senão é o mesmo final.

Nenhum comentário:

Postar um comentário